caldo de galinha e prudência

Desde muito tempo ouve-se dizer que prudência e caldo de galinha não fazem mal a ninguém. Sobre o caldo, acredito que realmente não faz mal, agora a prudência é a rainha dos cuidados ao mal. Ser prudente, mas não inerte. Observar, agir conforme o que acreditamos e sem dar muita importância ao que “podem pensar” afinal levamos da vida, a vida que levamos -vivemos- prudência, antes de tudo, ser consciente de suas ações e aguentar o “repuxo” da reação! Vamos lá! É a vida.

Anúncios